Ideias e poesias, por mim próprio.
Quinta-feira, 17 de Março de 2022
Infâmia

Os cenários de horror, tragédia e sofrimento humanos em massa, levados a cabo no solo europeu pelas I e II Guerras Mundiais, que a todos parecia distante e definitivamente afastado, eis que surge de rompante à nossa porta.

A agressão bárbara levada a cabo à Ucrânia pela mão de Vladimir Putin, é a reação ao perigo que o ditador sente vir das democracias e da liberdade para o seu regime autocrático e tirânico.

Para manter o seu regime fascista, revivalista do comunismo e sovietismo, o oligarca Putin está disposto a chacinar todos aqueles que se lhe opõem.

Teríamos de perguntar-lhe se o povo ucraniano não conta, mas o ditador não permite dúvidas ou críticas, aliás é conhecido por mandar assassinar todos os seus adversários, opositores e críticos.

A história rebuscada que o déspota usou para colocar em causa a soberania, a liberdade e autodeterminação da Ucrânia, explica integralmente a ignorância, a maldade e o carácter vil que o informal e determina.

Só mesmo comparável a Hitler, Estaline, Mao Tsé Tung, Pol Pot e outros genocidas.

Mas a retórica prolixa deste verdugo, jamais justificará a violação de tratados internacionais, a violação de fronteiras de um país soberano, e, muito menos, legitima a perseguição e o sofrimento, os assassinatos e as mortes infligidos a todo um povo.

Os povos, as pessoas, as liberdades e as vidas humanas estão sempre e inquestionavelmente acima de quaisquer lógicas políticas, territoriais e estratégicas.

Os povos podem e devem escolher livre e pacificamente os seus destinos e opções, assim o dita a Carta das Nações Unidas, os tratados e as convenções dos Direitos Humanos e o Direito Internacional, que todos os países, incluindo a Rússia, com assento na ONU, subscreveram e se comprometeram respeitar.

Mas Vladimir Putin, acobertado cobardemente pelas armas nucleares da Rússia, resolveu, unilateral e arbitrariamente, vilipendiar o povo ucraniano livre e irmão do povo russo.

Estas são horas tenebrosas para a Ucrânia e o seu povo, entregues à sua sorte e às mãos dos sanguinários, com o qual, não podendo nós ir em seu auxílio militar, partilhamos as nossas orações, solidariedade e mágoa.

E estamos à beira dum novo conflito mundial, com  o risco de tudo o que está à face da Terra acabar numa imensa fogueira planetária e radioativa, em resultado da III e última Guerra Mundial!

Certamente, Deus julgará e punirá os autores desta monstruosa infâmia sobre, em particular, o inocente e martirizado povo ucraniano e, em geral, a Humanidade.

Mas, nesta hora terrível para toda a Humanidade, roguemos a Deus nos poupe de cair no precipício do Apocalipse.

 

(artigo do autor, publicado na edição de 28 de Janeiro de 2022 do jornal mensário regional  "Horizonte" de Avelar, Ansião, Leiria)

Fevereiro22.jpg



publicado por Sérgio Passos (twitter: @passossergio) às 17:07
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Maio 2022
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes

Putinismo

Os intolerantes

Infâmia

O monstro

País a votos

MUDAR PORTUGAL: 35 medida...

Ditadura fiscal

Venezuelização

A corrupção é o modo de v...

Agiotagem eleitoral

arquivos

Maio 2022

Abril 2022

Março 2022

Fevereiro 2022

Janeiro 2022

Dezembro 2021

Novembro 2021

Outubro 2021

Setembro 2021

Agosto 2021

Julho 2021

Junho 2021

Maio 2021

Abril 2021

Março 2021

Fevereiro 2021

Janeiro 2021

Dezembro 2020

Novembro 2020

Outubro 2020

Setembro 2020

Agosto 2020

Julho 2020

Junho 2020

Maio 2020

Abril 2020

Março 2020

Fevereiro 2020

Janeiro 2020

Dezembro 2019

Novembro 2019

Outubro 2019

Setembro 2019

Agosto 2019

Julho 2019

Junho 2019

Maio 2019

Abril 2019

Março 2019

Fevereiro 2019

Janeiro 2019

Dezembro 2018

Novembro 2018

Outubro 2018

Setembro 2018

Agosto 2018

Junho 2018

Março 2018

Fevereiro 2018

Janeiro 2018

Dezembro 2017

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

tags

todas as tags

subscrever feeds
últ. comentários
Conversa de 1914 não obrigado!.[sim: o europeu-do-...
Boa noiteA Rússia é comunista, ou é o atual govern...
Talvez se a educação em Deus se baseasse mais na o...
Parabéns pelo seu Blog. Queremos convidá-lo para o...
pois é sempre bom um aeroporto internacional.
Boa noiteNão é preciso inventar uma nova constitui...
Estamos mesmo a comparar o presidente do Banco de ...
Bem pregas frei tomas ..., pelos vistos é você mes...
interessante ouvir vociferar contra a VENDA do our...
Olá!Quer saber mais do Brazão de Castro - Secretár...
blogs SAPO
Em destaque no SAPO Blogs
pub