Ideias e poesias, por mim próprio.

Sexta-feira, 4 de Setembro de 2015
Os donos disto tudo

Em Portugal, à Banca é permitido fazer tudo aos seus balcões, como sejam receber depósitos, fazer créditos, vender os mais variados serviços financeiros, fazer a mediação de seguro e de imóveis, outorgar atos notariais, como escrituras, vender toda a quinquilharia possível e imaginária, etc., etc.

E, como se não lhes bastassem as vantagens da usura e do rédito livres, aplicam sem qualquer controlo as comissões que muito bem entendem sobre os depósitos dos clientes...!

Não admira que, em particular, os mais diversos profissionais, desde advogados, os solicitadores, os agentes imobiliários e de seguros, entre muitos outros, fiquem desocupados e sem serviço para ganharem o seu sustento e o das suas famílias, e, em geral, os portugueses estejam cada vez mais pobres e sem as condições mínimas de sobrevivência.

À custa deste quadro de monopólio legal, os bancos e os banqueiros enriqueceram desmesurada e escandalosamente e, como se não bastasse, foram permitidos levar a economia nacional à bancarrota.

Ficaram (para as próximas décadas…) os contribuintes a pagar esses abusos e roubos escandalosos!

A atuação da banca para além de configurar concorrência desleal e abusiva, beneficia de inúmeros benefícios e privilégios legais e comerciais, para além de gozar de inúmeras facilidades e privilégios fiscais!

Ora, a Banca portuguesa usa e abusa duma especial posição de mercado, para tanto contando com o apoio ilegítimo do Estado e o conluio criminoso das elites político-partidárias!

A banca portuguesa tem hoje a faca e o queijo na mão.

O Banco de Portugal e o poder político são cúmplices nesta desmesurada exploração.

Mas, isto não é mais tolerável.

É preciso, urgentemente, pôr um freio nos dentes destes modernos vampiros, quais senhores feudais, que conduzem às mais vis formas de miséria e empobrecimento generalizado, em suma, à destruição humana, social e económica de Portugal e dos portugueses!

Basta!

 

(artigo do autor publicado na edição de 1 de Agosto do mensário regional jornal "Horizonte", de Avelar, Ansião, Leiria - http://www.jhorizonte.com)

 

horizonteagosto2015.jpg

 

 



publicado por Sérgio Passos às 19:19
link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 20 de Janeiro de 2015
Confisco aos banqueiros e políticos corruptos, Já.

Toda e qualquer nova legislação de caracter penal contra os ex-titulares públicos, ou os banqueiros criminosos, tem também visa o confisco retroativo da riqueza adquirida por meio da corrupção ou da má gestão bancária.

A legislação do confisco do produto dos prejuízos causados ou ao erário público e ao dinheiro dos contribuintes, ou aos depositantes e clientes, tem de ser também aplicada para os atos ilícitos praticados no passado e para todos os ex-governantes ou banqueiros.

 Não basta nova legislação penal e civil, de modo punir esses crimes e danos civis, com meros efeitos para o futuro, também tem de se aplicar retroativamente e para isso é necessário mexer na Constituição da República.

Os grandes roubos públicos, PPP's, BPN, BES e tantos outros, foram praticados no passado.

Portanto, tal qual como os portugueses sofrem sacrifícios excecionais, aqueles que prejudicaram gravemente a comunidade, devem sofrer punições e aplicação retroactiva das sanções criminais de prisão e confisco da sua riqueza ilegítima.

Sem este tipo de sanções continuaremos a a falar de quimeras!

 

ricardo salgado.jpg

 



publicado por Sérgio Passos às 00:09
link do post | comentar | favorito
|

Quarta-feira, 24 de Setembro de 2014
A Câmara Municipal de Lisboa ao serviço do BES!

Na Câmara Municipal de Lisboa a pouca vergonhice já é à descarada! A Câmara Municipal de Lisboa, verdadeiramente, já está ao serviço do BES! Vejamos: o vereador da Câmara de Lisboa Manuel Salgado vai fechar o quartel de bombeiros mais moderno de Lisboa para vender o terreno (público) à (privada) Espírito Santo Saúde, para extensão do Hospital da Luz, cujo arquitecto projectista é o próprio... Manuel Salgado. O Arquitecto Manuel Salgado, que é primo direito de Ricardo Espírito Santo (esse mesmo!). "O orçamento camarário de 2014 prevê um encaixe de somente 12 milhões de euros com essa venda, contudo, o caderno de encargos e o programa da hasta pública aprovados pela Câmara especificam que o valor-base pelo qual o terreno será posto à venda é de 15,8 milhões de euros. De qualquer forma, o valor arrecadado não deverá ser suficiente para cobrir os custos já suportados pela autarquia. Ao valor que foi investido pela Câmara nos equipamentos – de 12,3 milhões, soma-se ainda o montante despendido na aquisição do terreno. Por outro lado, desconhece-se o montante total que a autarquia terá de gastar para realojar os serviços que agora vão ser demolidos. A venda dos terrenos parece, neste contexto, servir apenas os interesses da Espírito Santo Saúde - responsável pela definição e implementação da estratégia de desenvolvimento do Grupo Espírito Santo na área da saúde - que pretende adquirir este lote para proceder ao alargamento do Hospital da Luz. Desde há vários anos, a Espírito Santo Saúde tem vindo a anunciar que pretende alargar o Hospital da Luz, estabelecimento privado de saúde aberto em 2007, e que foi projetado pelo arquiteto Manuel Salgado, atual vereador do Urbanismo da Câmara de Lisboa e primo direito de Ricardo Salgado. Ainda que a autarquia negue a existência de qualquer acordo prévio com a Espírito Santo Saúde, é certo que o relatório dos trabalhos de revisão do Plano de Pormenor do Eixo Urbano Luz Benfica, de novembro, já assinalava que “em área reservada para equipamento, embora não constante da programação de equipamentos em Plano Diretor Municipal, passa a estar prevista a construção de uma extensão do Hospital da Luz, com a demolição das atuais instalações do Regimento de Sapadores Bombeiros”. E António Costa, o futuro candidato a Primeiro-Ministro, sabe disto e concorda com isto? E o que faz???

A pouca vergonha em Portugal já é à descarada!

Porreiro pah!

 


Fontes: 1- http://www.esquerda.net/artigo/camara-de-lisboa-quer-demolir-quartel-de-bombeiros-para-vender-terreno-espirito-santo-saude;

           2 - http://www.publico.pt/local/noticia/camara-de-lisboa-quer-fechar-quartel-de-bombeiros-com-dez-anos-para-o-hospital-da-luz-ser-ampliado-1663833

 

 



publicado por Sérgio Passos às 15:51
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 22 de Agosto de 2014
O que liga Cavaco Silva a Ricardo Espírito Santo?

Será verdade?

O que é facto é que o genro de Cavaco Silva ganhou em 2012 o concurso aberto pelo Governo para a venda do Pavilhão Atlântico, aprovada este ano pela Autoridade da Concorrência, apesar dos vários processos de execução a correr em tribunal contra as empresas de Luís Montez, por dívidas a várias outras empresas.

Luís Montez era considerado nos meios financeiros como financeiramente inelegível, por não possuir garantias suficientes para poder, em condições normas, só por si, portanto sem uma alta recomendação, conseguir chegar a um financiamento de mais de 20 milhões de euros para a referida compra.

O Pavilhão Atlântico foi depois vendido por 21,2 milhões de euros ao Consórcio Arena Atlântico, no qual se inclui Luís Montez, dono da Música no Coração.

O equipamento custou ao Estado 50 milhões de euros e “era rentável”, tendo os seus lucros triplicados entre 2009 e 2010, segundo o parecer da própria Ministra Assunção Cristas.

Além de financiar a operação, o BES também assessorou financeiramente Luís Montez.

Relembramos aqui as relações íntimas de amizade entre Cavaco Silva e Ricardo Espírito Santo e a generosa doação do BES ao candidato Cavaco na campanha presidencial de 2006 e em que este foi eleito.

E, caso tenha existido uma alta cunha, será que a III República vai aguentar-se de pé por muito mais tempo com mais um alto escândalo?
Seria este o risco para a sobrevivência da III República Portuguesa de que falou recentemente o ex-ministro das Finanças Miguel Cadilhe quando se pronunciou sobre os negócios estranhos do defunto BES?

Vamos então aguardar pelas novidades que vêm aí nos próximos meses e sobre o que esconde o BES para saber do que é feito tudo isto e se é verdade ou não.

A ver vamos!




publicado por Sérgio Passos às 16:34
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
|

Quarta-feira, 13 de Agosto de 2014
O BES é bom ou mau?
O caso BES apenas, como se pode dizer da cereja no topo do bolo, veio revelar a verdadeira natureza e os reais contornos do regime partidocrático português.
O Estado e o regime político-jurídico português está completamente errado, é um sistema em que a soberania e o poder reais e efetivos estão sob o monopólio dos partidos políticos.
Em Portugal governa, administra, manda e julga a emanação do poder partidocrático.
Portugal é governado e dominado por elites maçónicas, cleptocráticas, nepotistas, corruptas e assassinas!
Temos uma partidocracia no lugar de uma democracia estrangulada.
De Estado-de-Direito e de Democracia não tem nada, estas aparências de mero nome e formalidades apenas servem para dar cobertura ao grande crime de colarinho branco, enquanto isso a arraia miúda vive sob o domínio da desordem, do crime comum e do confisco fiscal e financeiro.
Nos últimos 20 anos, enquanto os portugueses eram adormecidos pelo crédito fácil, a mais vil ladroagem tomava conta conta de Portugal.
E ainda hoje continuam roubando os portugueses e o erário público aos magotes!



publicado por Sérgio Passos às 14:17
link do post | comentar | favorito
|

Segunda-feira, 11 de Agosto de 2014
...



publicado por Sérgio Passos às 23:58
link do post | comentar | favorito
|

Portugal é estúpido.
"O banco de Portugal empestou ao BES 3,5 mil milhões de euros antes da intervenção de 3 de Agosto!"
...
Não tenho mais nada a acrescentar ao que venho escrevendo e penso há mais de 20 anos!
Só mesmo mais uma coisinha: Portugal é estúpido, mas os portugueses ainda hão-de abrir os olhos quando perceberem a lógica do socialismo de Estado!



publicado por Sérgio Passos às 22:17
link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 7 de Agosto de 2014
A fortuna da Família Espírito Santo, ou os contribuintes portugueses vão pagar a despesa?
A pergunta que todos os portugueses fazem neste momento é se Ricardo Espírito Santo e a sua familía vão pagar os enorme prejuízos que causaram ao país.
Pelos vistos, o seu património é imenso e vultuoso, como demonstramos abaixo.

ACTIVOS DA FAMÍLIA ESPIRITO SANTO:

Herdade da Comporta:
(onde, candidamente, iam brincar aos pobrezinhos) com uma área de 12,5 mil hectares (área cultivada de arroz, 1 100 hectares e produz também: vinho, milho, batata-doce e curgetes). A parte florestal tem uma área de 7 100 hectares de pinheiros e carvalhos. Existe um projecto imobiliário e turístico.

Industria hoteleira:
Possui 14 unidades hoteleiras (Tivoli, Hotels & Resorts), todos de 4 e 5 estrelas. No Brasil 2 unidades ( S.Paulo e Praia do Forte em S.Salvador da Baía). Em Portugal 12 unidades (6 no Algarve, 3 em Lisboa, 2 em Sintra e um em Coimbra). Tem uma oferta total de 3000 quartos.

Operador Turístico:
Tem mais de 50 balcões espalhados pelo País. A actividade alarga-se até Angola, Itália e Espanha. Opera com as marcas Top Atlântico, Carlson Wagonlit e BCD Travel. Detém a operadora online Netviagens.

Portucale:
Proprietários da herdade Vargem Fresca (Ribatejo) com cerca de 510 hectares, alberga dois campos de golfe, Ribagolfe I e II. A Portucale esteve envolvida num escândalo em conjunto com o governo Santana Lopes/Durão Barroso/Paulo Portas, acerca de um abate ilegal de sobreiros, autorizado às pressas e após terem perdido as eleições para o PS. Conta-se, que na altura o CDS teria recebido um milhão de euros e justificado ter sido oferecido por diversos donativos de militantes, entre eles, o muito glosado JACINTO LEITE DO REGO.
Esta Propriedade foi destacada da Companhia das Lezírias (do Estado), com o argumento/justificação de que iriam ali plantar novas espécies arbóreas!!! Éra bom, conveniente, que alguém fizesse uma investigação sobre a forma como esta propriedade foi transacionada e como foi vendida pelo Estado.

Espirito Santo Saúde:
O grupo tem cerca de 18 unidades clínicas, 1200 camas e cerca de 9000 funcionários. Os três principais hospitais são o da Luz, em Lisboa, o da Arrábida, em Vila Nova de Gaia e o Beatriz Ângelo, em Loures.

Fazendas no Brasil:
O Grupo Espírito Santo tem duas grandes fazendas no interior do Brasil. Uma no Estado de S. Paulo com 12 mil hectares, mais propriamente em Botucatu, chamada Fazenda Morrinhos. Produz, laranjas, limões, eucalipto e cana de açúcar.
A outra, é a Fazenda Pantanal de Cima, no estado de Tocatins, com uma área de 20 000 hectares, 3 mil dos quais asseguram produção de arroz no verão e de soja no inverno.

Herdade no Paraguai:
É a maior herdade do Grupo, Estende-se por cerca de 135 mil hectares, no Paraguai. Este terreno tem uma dimensão equivalente à do quinto maior concelho do País (Uma área onde caberiam 16 Lisboas) Alberga mais de 53 mil cabeças de gado e possui 75 mil hectares de pastagens, 12 mil hectares de floresta e 5 mil de cultivo agrícola, nomeadamente de soja e algodão.

Atlantic Meals - Agroalimetar:
Produz arroz, milho e alimento para crianças, como as farinhas sem glúten. Tem três unidades industriais em Portugal (Coruche, Biscainho e Alcácer do Sal) e uma outra em Sevilha. Opera com as marcas Ceifeira, Sorraia, Atlantic e Atlantic Le Chef. A Atlantic Meals é fornecedora das indústrias cervejeira e agroalimentar. Tem uma capacidade de secagem de arroz e milho de 50 mil ton. ano.

Espirito Santo Property Brasil:
É a empresa imobiliária do grupo no Brasil associada à OA (Oscar Americano), com vários projectos residenciais, de comércio, parques logísticos, escritórios e loteamento. As actividades principais são em S.Paulo, onde desenvolve projectos imobiliários emblemáticos, como o complexo Villa Lobos, com área comercial e residencial, ou a Alameda dos Pinheiros. Tem expandido a actividade a outros estados brasileiros, como é o caso da Santa Catarina, Paraná, Rio de Janeiro e Baía. Já concretizou empreendimentos fora do Brasil, como é o caso do edifício Plaza Miami, no centro desta cidade norte americana, um prédio com uma área total de 120 mil metros quadrados com área residencial, escritórios e hotel.

Espirito Santo Property (Portugal):
É um dos maiores promotores imobiliários de Portugal. Vocacionado para o segmento alto, a empresa foi criada com o nome Espart, designação que acabou por ser alterada em Novembro do ano transacto. Um dos primeiros grandes trabalhos foi o desenvolvimento da Quinta do Patiño, no Estoril (onde está o Dias Loureiro e o Rendeiro), transformando um antigo palácio e respectivos jardins numa das áreas mais exclusivas de Portugal. Conta além disso, no seu portfólio, com edifícios em Lisboa, com o nº. 15 da Rua Castilho e o 238 da Avª. da Liberdade, o Ivens 31, no Chiado e o Parque dos Príncipes, em Telheiras. E tem as residências do Palácio Estoril, a Quinta do Peru, em Azeitão, as Casas de São Francisco, em Santiago de Cacém, o Oeiras Golf & Residence, o Doro Atlantic Garden, em Gaia e as Quintas D'Al-Gariya, em Portimão, entre outros edifícios.

Companhia de Seguros Tranquilidade:
Valor de activos sob gestão 800 (oitocentos) milhões de Euros.

Banco Espirito Santo:
A GALINHA DOS OVOS DE OURO:
Não consta neste rol, as "poupanças estratégicas" eventualmente acantonadas em offshore´s (do BES/Angola, não se sabe onde param, cerca 5,7 mil milhões de $USA).
Sabe-se é que:
O BES/Portugal, emprestou 3 mil milhões de Euros. ao BES/Angola, os quais, dizem, estão perdidos.
Mas todo este dinheiro tem de ser apurado.

Vamos a ver se o Estado e a Justiça atuam devidamente para acautelarem o erário público e os interesses dos contribuintes!



publicado por Sérgio Passos às 10:00
link do post | comentar | favorito
|

Quarta-feira, 6 de Agosto de 2014
Portugal: a república onde as raposas vivem nos galinheiros.
Portugal só pode ser governado e dirigido por um bando de totós.
Vocês estão a ver uma raposa a guardar um galinheiro e a viver com as galinhas?
Foi exatamente isto que fez o governado do Banco de Portugal, Carlos Costa, ao deixar Ricardo Espírito. Santo a chefiar o BES depois de já se saber das falcatruas que haviam sido feitas!
A moral predominante na atual sociedade é a do dinheiro, vale tudo para o conseguir, não são olhados os meios, bem tão-pouco contadas as vítimas.
"O triste mesmo é não ter dinheiro" disse Bernie Ecclestone, o dono ultra-milioário da Fórmula 1, comentando o o acordo com a justiça alemã para o pagamento de 75 milhões de euros com vista à resolução do processo de corrupção em que estava envolvido.
A história do BES podia ser contada simplesmente como Ricardo Espírito Santo foi uma vítima dos caloteiros que não pagaram ao BES, os investidores foram as vítimas de Ricardo Espírito Santo e dos caloteiros que não pagaram ao BES, e os contribuintes foram as vítimas de Ricardo Espírito Santo e dos caloteiros que não pagaram ao BES.
O epitáfio da III República Portuguesa, regime político que perdura em Portugal desde 1974 até hoje, com 40 anos de existência, podia ser: "NÃO HAVIA COM O QUE NOS QUEIXARMOS, APENAS HAVÍAMOS DEIXADO O NOSSO DINHEIRO À GUARDA DE LADRÕES."



publicado por Sérgio Passos às 12:40
link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 5 de Agosto de 2014
A injustiça do compadre de Miguel Sousa Tavares.
Segundo as notícias da imprensa, Ricardo Espírito Santo, no últimos dias do seu reinado à frente do BES, fez desaparecer do seu Banco a bela quantia de 1,5 mil milhões de euros, ou seja, quase 1% do PIB português.
Para que se perceba a grandeza deste "roubo" praticado, representa qualquer coisa como toda a riqueza, ou produto do trabalho, produzida por 100 mil portugueses num ano, ou, a riqueza produzida em 3,5 dias por todos os 10,5 milhões de portugueses.
O Código Penal, a provar-se o delito e caso alguma vez viesse a ser condenado, coisa muito improvável face à natureza poderosa, influente e muito rica desta personagem da banca e da política portuguesas, prevê uma moldura de pena de prisão, ou a título do Crime Furto ou a título de Crime de Abuso de Confiança, de um mínimo de 1 ano a um máximo de 8 anos de prisão.
Ainda, contando com a aplicação de uma liberdade de provisória ao fim de cumpridos 2/3 da pena, teríamos que, no máximo, ao fim de de pouco mais de 5 anos e meio o autor deste pornográfico roubo estaria em liberdade e pronto para ir gozar o ultra-milionário produto dos seus crimes.
O conhecido banqueiro norte-americano Madoff por ter praticado um um delito bancário semelhante, enganando os depositantes e investidores, em meros 0,0004% do PIB dos EUA, foi punido pelos tribunais norte-americanos com uma pena de prisão perpétua.
Afinal, onde é que está o verdadeiro sentido de equidade da lei, do direito e da justiça portuguesas?

Fontes:
http://www.asjp.pt/2014/08/04/kpmg-avisou-banco-de-portugal-sobre-novo-buraco-no-bes/
http://www.tvi24.iol.pt/economia---economia/bes-ges-ricardo-salgado-carlos-costa-banco-de-portugal-tvi24/1567058-6377.html



publicado por Sérgio Passos às 11:23
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Junho 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

19
20
21
22

25
26
28
29
30


posts recentes

Os donos disto tudo

Confisco aos banqueiros e...

A Câmara Municipal de Lis...

O que liga Cavaco Silva a...

O BES é bom ou mau?

...

Portugal é estúpido.

A fortuna da Família Espí...

Portugal: a república ond...

A injustiça do compadre d...

arquivos

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

tags

todas as tags

links
Contador
blogs SAPO
subscrever feeds