Ideias e poesias, por mim próprio.
Quinta-feira, 7 de Abril de 2016
Mais de 200 milhões de euros gastos pelo Estado Português em desperdício tecnológico
Sabiam que o Estado Português esbanja todos anos milhões e milhões de euros dos contribuintes alimentando empresas tecnológicas e informáticas multinacionais estrangeiras!
Só em licenças de programas, muitos deles funcionando com muitos problemas e criando dificuldades nos serviços públicos entre si, compradas a empresas estrangeiras, nomeadamente a Microsoft, o Estado Português gasta cerca de 200 milhões de euros.
As plataformas Citius, das Finanças, Inventários e Cartórios, Segurança Social, GNR e PSP, Ensino e Ministério da Educação e tantas outras plataformas e meios informáticos do Estado Português, com o beneplácito dos sucessivos Governos portugueses, quer sejam da direita quer da esquerda, continuam a utilizar os sistemas operativos e demais software das grandes multinacionais americanas, francesas e outras, que funcionam cheios de buracos, fragilidades e falhas.
Os serviços tecnológicos são maus, instáveis, inseguros, vulneráveis e ataques informáticos e pirataria, são espiados e roubados por outros Estados estrangeiros, e os cidadãos portugueses são prejudicadas por tanta incompetência e má qualidade!
Ora, este Estado Português em vez de pagar aos técnicos e às empresas portuguesas, nacionais portanto, para desenvolverem software nacional, mais fiável e em ordem a melhor servir os portugueses, e com isso ajudando a desenvolver a indústria e os serviços nacionais, sem esquecer que pouparia muitos milhares de milhões de euros aos contribuintes, e também deixando esse dinheiro para e economia nacional, prefere, criminosa e com alto dano e prejuízos nacionais, continuar a deitar o dinheiro para a rua e entregando-o empresas estrangeiras.
E isto só acontece porque o Estado Português está capturado por corruptos e criminosos que preferem manusear o dinheiro dos contribuintes para o roubar e alimentar, com a colaboração dos grandes interesses estrangeiros, os corruptos nacionais e internacionais!
Acordem portuguesitos!

assembleiarepublica.jpg



publicado por Sérgio Passos às 12:44
link do post | comentar | favorito
|

1 comentário:
De rui a 15 de Abril de 2016 às 11:32
Apontar 'isto ou aquilo' é insuficiente... há que COMBATER OS PAROLIZADORES DE CONTRIBUINTES... isto é, ou seja, vontade de combater golpeadores '... não é apontar 'milagreiros'... mas sim reivindicar/criar:
- MAIS CAPACIDADE NEGOCIAL PARA OS CONTRIBUINTES/CONSUMIDORES!
.
Ao não reivindicarem mais capacidade negocial... os contribuintes/consumidores estão otariamente a colocar-se a jeito dos lobbys que pretendem aplicar 'Golpes Palacianos'...
De facto, o contribuinte não pode ir atrás da conversa dos parolizadores de contribuintes - estes, ao mesmo tempo que se armam em arautos/milagreiros em economia, etc - por outro lado, procuram retirar capacidade negocial ao contribuinte!!!
Mais, quando um cidadão quando está a votar num político (num partido) não concorda necessariamente com tudo o que esse político diz!
Leia-se, um político não se pode limitar a apresentar propostas (promessas) eleitorais... tem também de referir que possui a capacidade de apresentar as suas mais variadas ideias de governação em condições aonde o contribuinte/consumidor esteja dotado de um elevado poder negocial!!!
.
.
Tem sido golpada atrás de golpada: veja-se o caso da venda em contra-relógio do Banif (custo de milhares de milhões de euros aos contribuintes).
Ora, muitos mestres/elite em economia que existam por aí... porque é que quem paga (vulgo contribuinte) não há-de ter uma palavra a dizer!!!???!!!???!!!
De facto, foram mestres/elite em economia que enfiaram ao contribuinte autoestradas 'olha lá vem um', estádios de futebol vazios, BPN , BES , Novo Banco, Banif, etc .
.
.
Caso 1:
O CONTRIBUINTE TEM QUE SE DAR AO TRABALHO!!!
-» Leia-se: o contribuinte tem de ajudar no combate aos lobbys que se consideram os donos da democracia!
---»»» Democracia Semi-Directa «««---
-» Isto é, votar em políticos não é (não pode ser) passar um cheque em branco isto é, ou seja, os políticos e os lobbys pró-despesa/endividamento poderão discutir à vontade a utilização de dinheiros públicos... só que depois... a ‘coisa’ terá que passar pelo crivo de quem paga (vulgo contribuinte).
-» Leia-se: deve existir o DIREITO AO VETO de quem paga!!!
[ver blog « http ://fimcidadaniainfantil.blogspot.pt/ »]
.
.
Caso 2:
CONCORRÊNCIA A SÉRIO!!!
Não há necessidade do Estado possuir negócios do tipo cafés etc ), porque é fácil a um privado quebrar uma cartelização... agora, em produtos de primeira necessidade (sectores estratégicos) - que implicam um investimento inicial de muitos milhões - só a concorrência de empresas públicas é que permitirá COMBATER EFICAZMENTE A CARTELIZAÇÃO privada.
[ver blog « http ://concorrenciaaserio.blogspot.pt/ »]
.
.
.
P.S.
Outros Direitos que já há alguns anos (comecei nos fóruns clix e sapo) aqui o je vem divulgando:
---1--- O Direito à Sobrevivência de Identidades Autóctones:
-» Os globalization-lovers ', UE-lovers e afins... que fiquem na sua... desde que respeitem os Direitos dos outros... e vice-versa.
-» Pelo Direito à Sobrevivência de Identidades Autóctones, ver blog http :/ separatismo--50--50.blogspot.com /.
---2--- O Direito à Monoparentalidade em Sociedades Tradicionalmente Monogâmicas:
-» Promover a Monoparentalidade (sem 'beliscar' a Parentalidade Tradicional, e vice-versa) é evolução natural das sociedades tradicionalmente monogâmicas - ver blogs http :/ tabusexo.blogspot.com / e http :/ existeestedireito.blogspot.pt /.


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Agosto 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

A "cláusula democrática" ...

Justiça para Pedrógão Gra...

Crescimento económico de ...

Contribuintes portugueses...

64 homicídios

Os repetidos contratos po...

António Costa contratou a...

O crescimento pornográfic...

A fácil e a difícil soluç...

Jornalismo ou Propaganda

arquivos

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

tags

todas as tags

links
Contador
blogs SAPO
subscrever feeds