Ideias e poesias, por mim próprio.
Sexta-feira, 10 de Fevereiro de 2012
A crise portuguesa é tão-somente humana, ética e moral.

Os portugueses comuns, na sua grande esmagadora maioria, não querem resolver os seus problemas comuns no dia-a-dia, nem tão pouco evoluírem ou se desenvolverem e nem sequer estão interessados em melhorar as suas condições de vida.

Para eles não há nada como uma boa discussão, a inveja, a má-língua, a mesquinhez ou um conflito, de maneira a tudo poder fazer o mais mal possível ao próximo.

Mas, a perfeição e o status máximo a atingir, é poder ser tão requintadamente maquiavélico de maneira que possa ser o maior e mais perfeito manipulador de todos os outros: nestes melhores e mais perfeitos exemplos contam-se enganar a esposa ou o marido, mentir aos filhos, furtar o patrão, prejudicar os amigos e os vizinhos, defraudar os impostos, falsear contas, violar deveres e a lei, fazer falsas promessas ou roubar o erário público.

No entanto a culpa é sempre dos outros e, todos e qualquer um, até mesmo os comprovadamente criminosos à vista de todos, dizem, de boca cheia, estarem de consciência tranquila!

Um país assim, com as suas pessoas demonizadas, carregadas de sujeira e imoralidade, sem vergonha, sem remorso e sem consciência, só pode mesmo caminhar para a sua própria autodestruição.

Em contrapartida, enquanto os portugueses danadamente assim se entretêm e vivem uns com os outros, os políticos, os governantes e os poderosos vivem e alimentam-se impunemente na orgia e no roubo dos impostos e do dinheiro do erário público conseguidos à sua custa.



publicado por Sérgio Passos às 11:07
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


posts recentes

O tempo da Justiça

População

A patranha do crescimento...

Portugal pode acabar, a n...

O lixo financeiro e a mer...

34 medidas para reformar ...

Eleições para caciques

O Palhaço e o Burro

Definição de Socialismo (...

A "cláusula democrática" ...

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

tags

todas as tags

links
Contador
blogs SAPO
subscrever feeds