Ideias e poesias, por mim próprio.
Quarta-feira, 6 de Novembro de 2013
Bancocracia.

A economia portuguesa é hoje, na verdadeira aceção da palavra, uma bancocracia.
A economia desceu a um nível tão baixo que o Estado e o próprio Fisco têm como únicos propósitos a alimentação do rédito e a usura do sector financeiro.

O Estado está hoje convertido num tal nível de corrupção do seu propósito, de ineficiência e de parasitismo, que a partidocracia política, em conluio com os Bancos e as empresas de construção civil associadas, as autarquias, muitos ex-governantes e os grandes clubes de futebol, trabalham unicamente com o fito burocrática do benefício da alta finança.

As muitas PPP`s, a exploração comercial das rodovias nacionais, o circuito das dívidas pública, soberana e da particular e os seus juros, exaurem hoje todos os recursos financeiros dos portugueses e vão conduzindo Portugal a um beco sem saída.

O poder do monopólio bancário é hoje tal que, até mesmo perante o apoio de Ângela Merkel à criação de um Banco de Fomento português, de vital importância para a revitalização da economia nacional, quando foi mencionado que se destinaria a emprestar os fundos comunitários às empresas e aos agentes económicos, com a obrigação da sua devolução e com pagamento de juros, e não como dantes a fundo perdido, os banqueiros portugueses logo trataram verberar mais uma intolerável intromissão do Estado na economia... e a ideia da sua criação foi entretanto adiada para as calendas gregas…

Todo o crédito bancário e estatal às empresas produtivas e exportadoras está hoje fechado.
Mas o dinheiro dos contribuintes nas mãos da Banca serve a economia especulativa imobiliária, o casino mundial das dívidas soberanas, a lavagem de dinheiro da corrupção e da agiotagem políticas, os tráficos de armas ou de drogas e até a fuga ao fisco dos multimilionários portugueses!

Os nossos Governos aceitam até emprestar dinheiro à Banca e fazendo-o sem quaisquer garantias adicionais de que o dinheiro volte um dia aos portugueses.

Os Bancos não votam, mas o que mandam os Governos obedecem e o Estado serve!

 

(artigo do autor publicado na edição de 1 de Novembro de 2013 do mensário regional Horizonte, de Avelar, Ansião, Leiria - http://www.jhorizonte.com)

 

 

 

 



publicado por Sérgio Passos às 09:10
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Novembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


posts recentes

O tempo da Justiça

População

A patranha do crescimento...

Portugal pode acabar, a n...

O lixo financeiro e a mer...

34 medidas para reformar ...

Eleições para caciques

O Palhaço e o Burro

Definição de Socialismo (...

A "cláusula democrática" ...

arquivos

Novembro 2017

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

tags

todas as tags

links
Contador
blogs SAPO
subscrever feeds