Ideias e poesias, por mim próprio.
Quarta-feira, 30 de Abril de 2014
O aumento da TSU: a revanche de Passos Coelho!

Vem aí o aumento da TSU: o Governo de Passos Coelho responde com revanche á manifestação de 15 de Setmbro de 2012.

A TSU já fez tremer o regime, na passada grande manifestação de 15 de Setembro de 2012, na altura o Governo recurou.

Mas, pelos vistos, Passos Coelho não só não esqueceu, como agora dá a resposta revanchista. Agora sim a "coisa" está a ficar devidamente condimentada para que haja uma alteração social violenta. A próxima grande manifestação popular será a derradeira e ninguém a vai conseguir segurar nas suas consequências na (des)ordem pública. O regime partidocrático está já preso por teias de aranha, é unicamente uma questão de semanas ou meses até cair. Preparem-se para o pós-3ª República. A 4ª República vai começar, o atual Governo, com esta medida revanchista e vingativa, de impor a TSU vai dar o decisivo e último contributo para a queda deste regime corrupto!  E isto tudo não passará deste ano.

Vai uma aposta?

 

 



publicado por Sérgio Passos às 19:29
link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 29 de Abril de 2014
Estatísticas que desmentem a Ministra da Justiça.

Quem aceitaria de bom grado que uma mentirosa compulsiva fosse a Ministra da Justiça?

A Senhora Ministra da Justiça, Paula Teixeira da Cruz, afirmou que só iria encerrar os Tribunais com um movimento processual de menos de 300 processos.

Ficam aqui os casos dos Tribunais Judiciais da Comarca de Ansião e Alvaiázere que vão ser oficialmente encerrados a partir de 1 de Setembro de 2014:

 

Ansião:

Cível: 1853 processos (p.)

Instrução: 10  p.

Penal: 229  p.

Tutelar: 120  p.

Total: 2212  p.

 

Alvaiázere:

Cível: 816 p

Instrução:  8 p.

Penal: 96 p.

Tutelar: 56 p.

Total: 976 p.

 

Estão a ver os novos tribunais atafulhados de gente e processos a darem despacho e andamento a mais estes milhares de processos que lhe vão cair em cima?

E, para ainda complicar mais a vida às populações de Ansião e Alvaiázere, como acontece em dezenas de outros casos pelo país fora, estas não têm transportes públicos para se deslocarem a Figueiró dos Vinhos, Leiria e Pombal para ir e vir no mesmo dia!

Temos de perguntar: porque é que este Governo e a sua Ministra da Justiça estão apostados em encravar os Tribunais e paralisar completamente a Justiça Portuguesa?

É um enorme desastre que aí vem!

 

 



publicado por Sérgio Passos às 00:42
link do post | comentar | favorito
|

Segunda-feira, 28 de Abril de 2014
A democracia só se conquista pela violência.
Apesar de todos os insistentes pedidos da opinião pública, dos muitos e muito intelectuais, pensadores, escritores, pedagogos, artistas, grupos profissionais, jovens, idosos, estudantes, etc., etc., mesmo perante uma enorme popular descrença no atual sistema político, nem sequer com a crescente abstenção nas eleições e o desencanto perante os partidos políticos, a partidocracia vigente continua a recusar toda e qualquer reforma, ou abertura da governação e da representação políticas ao povo e a novas formas de participação política e democrática populares.
Estou firmemente convencido que a partidocracia e as suas oligarquias que dominam o Estado e Assembleia da República a seu bel-prazer, fazendo o erário e coisa público como suas, só de lá sairão pela força e por via armada.
Isto não tem qualquer possibilidade de reforma pela via pacífica, consensual e democrática, porque estes partidos políticos não são, nem compreendem a linguagem da democracia e, para eles, o povo só serve para ser explorado até ao tutano, para pagar impostos e para servir de capacho.
Em boa verdade em Portugal, todos os avanço democráticos só foram conseguidos sempre por via armada e com derramamento de sangue (1807-Invasões Francesas, 1820-Revolução Liberal, 1910-Implantação da República, 1974-fim do Estado Novo), derrubando pela força as elites políticas totalitárias e governativas.
Ou o povo português se revolta e, pela desobediência civil, exige massivamente na rua uma urgente e imediata mudança, ou o tempo se encarregará das forças armadas, senão por via não-convencional, por meio da violência, derrubarem o atual poder prepotente e corrupto.



publicado por Sérgio Passos às 20:32
link do post | comentar | favorito
|

Sábado, 26 de Abril de 2014
Sá Carneiro, o verdadeiro pai da democracia civil portuguesa.
Para que se perceba a verdade da vitória democrática em Portugal, recordem-se as palavras de Sá Carneiro em entrevista ao programa radiofónico "Dito e Feito" à RDP em 22 de Janeiro de 1979.
Para o apuramento da verdade sobre democracia em Portugal em oposição às pantominices da esquerda, convém ler e saber o que foi corajosamente levado a cabo pelo verdadeiro combatente da causa democrática civil, quando até Mário Soares se opunha à revisão Constitucional e aceitava o papel tutelar militar do Conselho da Revolução.
A Revisão Constitucional que acabou de suceder em 1982, já depois da morte de Sá Carneiro quiçá o seu preço pessoal pago na nunca esclarecida tragédia de Camarate.

"No meu projecto isso está explícito. Não me refiro apenas à extinção do Conselho da Revolução mas de qualquer papel político das Forças Armadas. No meu projecto de revisão da Constituição há um exemplo claro: o Chefe de Estado- Maior das Forças Armadas é nomeado pelo Presidente da República, mas sob proposta do Governo, em igualdade de condições com o Presidente do Supremo Tribunal de Justiça e com o Procurador-Geral da República. Esse, creio, é um princípio fundamental da civilidade da democracia."



http://www.psd.pt/ficheiros/multimedia/ficheiro1389611410.pdf


publicado por Sérgio Passos às 16:04
link do post | comentar | favorito
|

Sexta-feira, 25 de Abril de 2014
As megeras reúnem-se todas pelo 25 de Abril.
As celebrações do 25 de Abril são como aquelas cerimónias religiosas da missa de sétimo dia por ocasião da morte do machão lá da terra.
As suas sete viúvas encontram-se todas muito pesarosas e chorosas no ato, mas depois de terminado o serviço religioso as ditas voltam à anterior condição de megeras dizendo mal umas das outras.
Que democracia da treta esta!



publicado por Sérgio Passos às 13:06
link do post | comentar | favorito
|

Quinta-feira, 24 de Abril de 2014
A destruição da Justiça portuguesa é dolosa!
A reorganização do mapa judiciária e a sua concentração judicial, mentirosamente chamada de especialização, tem em vista dois grandes fitos: acabar com os advogados em prática isolada e restringir o acesso à justiça por parte das pessoas. Na reforma legal que está a ser posta à prática tudo se encontra conjugado de modo a deixar uma larga camada populacional, especialmente os mais velhos, os mais pobres e os indivíduos de mais baixos recursos materiais e de menores qualificações, correspondentes a vários milhões de portugueses, ainda mais desprotegida e mais enfraquecida, visando primacialmente a sua maior exploração económica, fiscal, material e humana. É simples e está escancarado, este Governo está a aplicar e a levar à prática um conjunto de medidas de um programa económico mais amplo que visa a imposição localizada de novas formas de escravização e servidão humanas. Estamos no presente momento a assistir a um enorme e grave retrocesso civilizacional de Portugal!




publicado por Sérgio Passos às 16:25
link do post | comentar | favorito
|

Quarta-feira, 23 de Abril de 2014
Passos Coelho um mestre da propaganda.

Passos Coelho já quando era presidente da JSD, já lá vão quase 30 anos, bem sabia e ensinava, que a propaganda era a medida de todo o ilusinismo da política

Ora, a propaganda do Governo de Passos Coelho veio hoje atirar areia para os olhos dos portugueses, vitoriando-se ufano da emissão de dívida pública contra uma taxa de juro de 3,5752%.
A esses grandes pantomineiros e aldrabões, que só enganam os tolinhos e parvinhos, eu lhes respondo só com verdades:
Mas, afinal, esta economia portuguesa raquítica e a definhar para a morte, por acaso, teria condições no presente para pagar mais de juros? Ou, por acaso, serão estes juros suportáveis a médio e longo prazo com o presente crescimento económico anémico, com o progressivo aumento da dívida pública e do desemprego de que a economia portuguesa atualmente padecem?
Eu vos digo, para onde caminhamos, com estas dívidas e mais dívidas e sem um real e verdadeiro crescimento económico, é para um abismo social, humano e económico!
Vão mas é para o raio que os partam incompetentes, aldrabões e pantomineiros de governantes de Portugal!

 



publicado por Sérgio Passos às 18:31
link do post | comentar | favorito
|

Dívidas e vitórias de pirro -1

A propaganda do Governo de Passos Coelho veio hoje gabar-se da emissão de dívida pública contra uma taxa de juro de 3,5752%.
Mas, afinal, esta economia portuguesa raquítica e a definhar para a morte, por acaso, teria condições presentes para pagar mais de juros?
Grande vitória de pirro, com mais dívidas e mais juros!!!
Sim, senhora!
(Nota: tenho dúvidas que estes ignorantes de governantes portugueses saibam o que significa "vitória de pirro" ou "pírrica".)

 

 

 

(rei Pirro)



publicado por Sérgio Passos às 18:24
link do post | comentar | favorito
|

Marcada a greve dos Tribunais para depois de 31 de Agosto de 2014.

A anunciada tragédia da nova Organização Judiciária e do novo Mapa Judiciário, em resultado das medidas de fecho de mais de duzentos tribunais e da sua concentração, começam a mostrar melhor os seus contornos com a recomendação do Conselho Superior da Magistratura aos senhores juízes para que não marquem julgamentos ou diligências para depois de 31 de Agosto. Para quando voltaremos a ter o acesso aos Tribunais depois desta interrupção forçada do normal funcionamento da Justiça?

Haja vergonha!

 



publicado por Sérgio Passos às 18:17
link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 22 de Abril de 2014
Alguém viu por aí a democracia?

A questão não é se o "25 de Abril" valeu ou não a pena.
A questão é a democracia ter sido asfixiada pela partidocracia.

Ora, a democracia é votar em pessoas e jamais votar em partidos.
Porque enquanto a democracia não se aplicar em Portugal jamais as pessoas poderão viver com igualdade, justiça e dignidade.

 

 



publicado por Sérgio Passos às 13:04
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Agosto 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

A "cláusula democrática" ...

Justiça para Pedrógão Gra...

Crescimento económico de ...

Contribuintes portugueses...

64 homicídios

Os repetidos contratos po...

António Costa contratou a...

O crescimento pornográfic...

A fácil e a difícil soluç...

Jornalismo ou Propaganda

arquivos

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

tags

todas as tags

links
Contador
blogs SAPO
subscrever feeds