Ideias e poesias, por mim próprio.
Domingo, 22 de Julho de 2012
Os Governos de Portugal ateiam os fogos.

O repetido e continuado desastre calamitoso dos incêndios em Portugal é bem a revelação de toda uma política errada, de pelo menos nos últimos 25 anos, para o ordenamento do território nacional, para a agricultura e para floresta portuguesas.

Não se fizeram em tempo e continuam sem se fazer, após décadas e milhares de milhões de euros deitados ao lixo e gastos na corrupção, as mini-hídricas, os aceiros e as protecções contra os fogos, a floresta e o campo estão votados ao mais completo abandono, a fiscalidade pune quem trabalha e quem produz, o campo e o interior estão cada vez mais humanamente desertificados, os portugueses são incentivados à preguiça, aos subsídios e à dependência, os bombeiros e mesmo após serem inundados de milhões de euros continuam sem a formação adequada e os meios mínimos para combater fogos florestais, etc., etc.

Há 25 anos que o país continua a arder e nenhum Governo se mostrou até agora interessado em fazer cessar este longo e permanente desastre de custos incomensuráveis.

Os Governos de Portugal nos últimos 25 anos, com Cavaco Silva, António Guterres, Durão Barroso, José Sócrates e agora com Passos Coelho, claramente mostraram, em detrimento das potencialidades naturais do país, da sua cultura, do seu território, das suas gentes e das suas aptidões naturais e ancestrais, encontrar-se unicamente ao serviço da corrupção, da finança, da especulação imobiliária, do betão e do asfalto, tudo em ordem e condução ao irracional e criminoso endividamento do país, tendo assim e inevitavelmente conduzido Portugal e os portugueses ao mais completo desastre e a à completa ruína em que nos encontramos.

O país, o seu povo, a política e a governação não podem continuar a agir e a conduzir-se pelas contínuas e repetidas políticas corruptas e criminosas dos empréstimos financeiros vindos do estrangeiro, da alienação cultural e da destruição dos recursos naturais, sob pena da condução total de Portugal a uma imensa tragédia colectiva, sem retorno e sem salvação.

Portugal e os portugueses necessitam de voltar a reencontrar-se com as suas vocações naturais e próprias e o seu destino natural que está diante do seu mar e das suas conhecidas vocações atlântica, africana e lusíada.

Há que mudar urgentemente, Portugal precisa de se salvar e seguir por diante a sua História, para tanto necessitando de alterar profunda e radicalmente os seus paradigmas e os seus principais actores políticos.

Enquanto isso, estes incendiários de colarinho branco e destruídores de Portugal, gozam de prerrogativas de poder, benesses e favores vários e até mesmo de imunidade legal, auferem rendimentos milionários pagos com o dinheiro dos contribuintes, traficam favores e corrupção, encontram-se em liberdade, não havendo quem os prenda, julgue e puna. 

A bem de Portugal!

 



publicado por Sérgio Passos às 13:13
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Agosto 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

A "cláusula democrática" ...

Justiça para Pedrógão Gra...

Crescimento económico de ...

Contribuintes portugueses...

64 homicídios

Os repetidos contratos po...

António Costa contratou a...

O crescimento pornográfic...

A fácil e a difícil soluç...

Jornalismo ou Propaganda

arquivos

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Maio 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

tags

todas as tags

links
Contador
blogs SAPO
subscrever feeds